quarta-feira, 5 de agosto de 2009


Marcadores: ,

3 Comentários:

Blogger nosliw disse...

Que doidera, Alicrat... sabe de quem é isso?

14 de agosto de 2009 17:44  
Blogger nosliw disse...

Pra acompanhar eis um poema da comparsa Claudia Roquette-Pinto, do livro "Margem de Manobra".

OPACO

Obscura aurora desse corpo
na luz desacordada.
O que, além de mim, desperta
no quarto vago, vaga
entre a onda iluminada sobre a hortênsia
e o pensamento, opaco:
mais um dia a atravessar do avesso,
comendo pelas beiradas
a papa fria das conversas,
as caras de tacho e borracha
chapadas contra o meu céu
(onde bóiam as coisas de verdade:
espirais de fogo,
sua boca contra a minha,
as palavras de sonho, que perdi).

14 de agosto de 2009 17:54  
Blogger "Clown doll" disse...

=\...
Não sei de quem é!...

=\

Foi meio assim... eu estava bem grilada com uns pensamentos bem doidão ai resolvi pesquisar na iternet algumas imagens que poderia espressar essa sentimento ermo de minha mente ...
dificl complicado mas constante!

Acho que foi o amor!

hauhauhauhauha

=D

14 de agosto de 2009 21:08  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial